Médicos da Secretaria Estadual de Saúde e da Fehosp visitam Centro Geriátrico

Em 1997 a diretoria da Santa Casa de Batatais com a determinação de melhoria na assistência prestada pela instituição transformou o antigo asilo que funcionava como abrigo e moradia de idosos em uma ala nova construída e equipada especificamente para internações de pacientes com doenças crônicas assistidos por uma equipe técnica formada por médicos cardiologistas, clinico geral e neurologista, e também, Psicólogos, Assistente Social, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Nutricionista, Terapeuta Ocupacional, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, equipe esta que trabalham com contínuos estudos de casos dos pacientes em tratamento, objetivando a reabilitação dos assistidos e as altas medicas com maior brevidade.

Fruto deste belo e raro tratamento que é modelo em nosso estado e ate exemplo a nível nacional disponibilizados através do Sistema Único de Saúde (SUS), tivemos nesta ultima segunda-feira,10 a visita de médicos e técnicos da Secretaria Estadual de Saúde e da Fehosp os doutores; Paulo Carrara, Tanira Gomes Toledo Barros, Maria Fátima Conceição, técnica da Fehosp .

O objetivo da visita foi conhecer a nossa experiência, principalmente o da equipe técnica da nossa Geriatria que na oportunidade, pelo reconhecimento nos resultados da assistência prestada, a equipe médica e paramédica foram convidados para serem os multiplicadores de treinamentos de profissionais que serão inserido na assistência a pacientes no projeto piloto que será implantado na regional de saúde de Franca, e que possivelmente será ampliado para Batatais por ser a nossa unidade a escolhida como “ ancora “ para os treinamentos técnicos, o que nos orgulha muito por ver mais esse seguimento da saúde pública tendo o reconhecimento de órgãos Estadual de Saúde.

Vale ressaltar que a Fehosp – Federação dos Hospitais Filantrópicos do Estado de São Paulo e a Secretaria Estadual de Saúde vem ha tempos com estes e outros profissionais ligado a saúde, trabalhando e buscando conhecimento e experiências bem sucedidas para implantar em nosso estado um projeto de assistência especializada que visa atender o novo perfil da demanda assistencial médica e hospitalar e que vise a desospitalização com atendimento de especialistas médicos e paramédicos e o modelo a ser implantando definido pela secretaria estadual de saúde será o mesmo que vem ocorrendo em Portugal e Espanha, modelo este que tem muita semelhança ao que é realizado pela Unidade Geriátrica da Santa Casa de Batatais e que impressionou os profissionais pesquisadores da Secretaria Estadual de Saúde do Estado de São Paulo. Por essa razão, convidaram nossa equipe para fazer parte desse importante projeto de atendimento médico e paramédico que será implantado primeiramente na regional de Franca e em seguida em todo o Estado de São Paulo.